StartUP Pará inicia etapa de qualificação dos participantes

Empreendedores de Belém e outros municípios paraenses vão receber capacitação por três meses

A etapa de qualificação das propostas selecionadas na segunda chamada do StartUP Pará, programa do Governo do Estado que auxilia o desenvolvimento de ideias e empresas inovadoras, teve início na última segunda-feira (25). A iniciativa é desenvolvida pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet).

Foto: Divulgação.

No total, 79 projetos de Belém e outros dezesseis municípios do estado participam dessa etapa, sendo 50 na modalidade Novos Negócios, com propostas de produtos inovadores apresentados por pessoas físicas, e outras 29 ideias na modalidade Aceleração, com soluções de base tecnológica de pequenas empresas paraenses.

Nas primeiras semanas, os participantes poderão tirar dúvidas e receberão esclarecimentos sobre a fase de qualificação do programa. Serão encontros para analisar as propostas e discutir o nível de desenvolvimento e a realidade das ideias inovadoras e dos pequenos negócios que foram selecionados. Workshops, assessorias contábeis e de licenciamento ambiental também estão no cronograma das primeiras reuniões.

Para a coordenadora do programa, Maria Trindade, o ciclo de qualificação é um diferencial do programa para os empreendedores, representa uma jornada com suporte de profissionais que são referência no mercado. “Todas essas atividades irão ajudar com dicas do que fazer e como melhorar as propostas, fazendo com que o negócio avance várias etapas evitando vários erros nessa jornada, e que a proposta tenha maior sucesso no mercado”, afirma.

A etapa de capacitação dos selecionados é classificatória e seguirá por três meses, com dois encontros semanais, nos quais os proponentes participarão de cursos, oficinas, atividades presenciais e on-line, e ainda receberão orientações técnicas de especialistas; são mentorias individuais e coletivas, nas áreas temáticas do programa. 

Outros benefícios são a rede de contatos, estimulando as conexões com o empreendedorismo do Pará e do Brasil, além de ferramentas, métodos e infraestrutura para transformar ideias em produtos com potencial no mercado.

O período de qualificação do Startup Pará tem como objetivo aprofundar o conhecimento sobre os negócios e suas reais condições de desenvolvimento. Ao final desta etapa, os participantes serão avaliados por representantes da Sectet, de consultores e especialistas convidados.

Texto: Juliane Frazão (Ascom – Fundação Guamá)

plugins premium WordPress
Skip to content