StartUp Pará ajuda a alavancar negócios de pessoas atendidas pelo TerPaz

No próximos dias, o StartUp Pará segue realizando o “Faça Negócios” em outros territórios atendidos pelo TerPaz.

Foto: Divulgação.

Esta semana a equipe do programa StartUp para realizou duas importantes ações no âmbito do trabalho que vem desenvolvendo dentro do programa Território pela Paz (TerPaz), do Governo do Estado. Na quinta-feira (10), em uma escola na Terra Firme e na sexta-feira (11) na Usina da Paz Jurunas/Condor, eles se reuniram a comunidade local, candidatos que inscreveram propostas no edital do Inova Terpaz e não foram aprovados, e ainda empreendedores que foram selecionados para a etapa de qualificação do referido edital.

A ação, que também foi realizada na UsiPaz Cabanagem em setembro, é denominada “Faça Negócios” e visa oportunizar a presença digital de empreendedores de bairros periféricos da capital, por meio de oficinas sobre o uso de ferramentas tecnológicas e orientações sobre a utilização das redes sociais nos negócios. 

O facilitador do evento, Fabrício de Paula, explica que a proposta é ofertar cursos rápidos e objetivos para que os empreendedores que participam possam ampliar os seus negócios ou mesmo tirar a ideia da cabeça e executar. “Nós ajudamos a usar ferramentas digitais para que possam vender mais e, com um detalhe, investimento zero porque estas ferramentas estão aí disponíveis para qualquer um, basta querer fazer negócio”, concluiu.

Foto: Divulgação.

Para a empreendedora que participou da ação na Usipaz Jurunas/Condor, Izonete Lisboa, é um grande apoio ao seu negócio de venda de geleias e cocadas. Ela acredita que os conhecimentos adquiridos com os cursos vão ajudá-la a expandir as vendas. “Agora com este curso, vou alavancar meu negócio, só tende a crescer e seguir, quero muito este crescimento e não vou desistir”, declara.
 

“StartUp Pará” e “Inova TerPaz” –  A coordenadora do StartUp Pará, Maria Trindade, ressalta que o programa  é uma iniciativa do Governo do Estado executado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet), pela Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas (Fapespa) e pela Secretaria de Planejamento e Administração (Seplad), com apoio técnico da Fundação Guamá.

O objetivo do programa é auxiliar o desenvolvimento de ideias e empresas inovadoras com qualificação técnica e possível apoio financeiro por meio dos diversos editais já publicados.

Quanto ao “Faça Negócios”, ela explica que a ideia dessa ação complementar de ampliar o atendimento do StartUp Pará com oficinas dentro das usinas surgiu durante as atividades de divulgação do edital InovaTerpaz, com inscrições já encerradas, quando se percebeu os diferentes níveis de empreendedores com propostas que colaboram com a realidade socioeconômica nos bairros atendidos pelas UsiPaz. “São cooperativas e iniciativas coletivas, de pessoas que não participaram da chamada e que serão alcançadas pelas atividades realizadas nesses locais”, explica a coordenadora.

No próximos dias, o StartUp Pará segue realizando o “Faça Negócios” em outros territórios atendidos pelo TerPaz. No dia 18 estará na UsiPaz Marituba, no dia 21 na UsiPaz Icuí-Guajará, no dia 23 na UsiPaz Bengui e no dia 25 no bairro do Guamá.

Texto: Paulo Garcia (Seac).

plugins premium WordPress
Skip to content